Ruben assumiu a Prefeitura de Panelas-PE com caixa vazio e dívidas a pagar

O prefeito eleito, Ruben Lima assumiu a Prefeitura de Panelas, no dia 1º de janeiro de 2021, com caixa vazio e dívida milionária.

FALTA DINHEIRO PREFEITURA DE PANELAS-PE

Nesta sexta-feira (12 de fevereiro), o prefeito de Panelas, Ruben Lima (PSB) concedeu entrevista ao Programa “Sem Pauta” da TV Panelas. Na ocasião o prefeito falou dos problemas encontrados na Prefeitura, das dificuldades para gerir o pouco recurso disponível para iniciar os serviços públicos e efetuar pagamentos.

A falta de informações em sistemas de computadores, os cadastros de beneficiários de programas sociais como o Valorização Humana (VH) apagados, entre outras, a ausência de informações e banco de dados necessários para dá seguimento aos serviços da prefeitura, foram algumas das dificuldades relatadas pelo prefeito durante entrevista. 

As dificuldades encontradas por causa dos cadastros apagados e computadores formatados, impactaram diretamente o Programa Valorização Humana, segundo o prefeito. Foi preciso abrir chamado para os Técnicos da Caixa Econômica Federal instalar os programas de computadores para que fosse possível realizar os pagamentos.

Falta de recursos, obras paradas e dívida milionária 

O município de Panelas-PE está endividado, segundo palavras do próprio prefeito, só com o INSS em janeiro de 2021 teve desconto de R$350 mil e em fevereiro mais um desconto de R$550 mil. Foram 900 mil reais a menos em dois meses de início de governo, dinheiro que a gestão anterior não repassou para o INSS.

Prefeito Ruben Lima em entrevista a TV Panelas
Prefeito Ruben Lima em entrevista a TV Panelas.

Panelas tem um problema de crédito com o Governo Federal e para “limpar o nome” do município, seria preciso resolver três pendências. Neste início de governo Ruben, já foram resolvidas duas, falta resolver mais uma. Com o “nome sujo” o município fica impedido de receber transferências voluntárias e realizar operação de crédito para financiamento e investimentos.

Diversas obras foram iniciadas no município pela gestão anterior e agora estão paradas, pois não tinha dinheiro na conta para pagar. A prefeita deixou o caixa da Prefeitura vazio, sem orçamento para continuar com o canteiro de obra em que se tornou o município. As obras foram auditadas para saber se houve licitações e legalidade.

Na entrevista, o prefeito falou ainda do modelo de Previdência Própria do município. Esse modelo atrapalha mais do que ajuda. É preciso fazer aportes de R$627 mil por mês no PANELAS PREV (Instituto de Previdência dos Servidores Municipais de Panelas), se não os aposentados não recebem seus salários.

O Prefeito Ruben Lima foi procurado pelo Ministério Público, a pedido da Celpe (Companhia Energética de Pernambuco) para que o MPPE intermediasse a negociação de uma dívida de quase 10 milhões de reais da Prefeitura.

Toda a situação financeira na qual encontra-se o município de Panelas, está sendo apurado pela nova gestão. Os relatórios, as informações estão sendo levantadas e as providências serão tomadas judicialmente. "Precisamos responsabilizar a quem for de direito o que aconteceu”, disse Ruben.

Postar um comentário

Os comentários ou recados neste site refletem tão somente a opinião do autor do mesmo. Seja ético, tenha bom senso, não publique spam.

emo-but-icon