ELEIÇÕES PARA O CONSELHO: CAOS TOTAL!

Não houve quem não achasse que as eleições do último domingo 06/10/2019, para o conselho tutelar, uma zona total e um desrespeito absurdo, tanto para o cidadão que teve seu direito de sufrágio violado, quanto para o candidato que foi prejudicado por não ter recebido seus votos. As filas estavam gigantescas, pessoas idosas tiveram que esperar em pé, outros cidadãos passaram mal e muita gente desistiu de votar. Havia algumas pessoas que deveriam organizar que estavam na verdade fazendo boca de urna e outras atrapalhando mais do que ajudando.

Em Cruzes, na Escola Rui Barbosa, foi de onde recebi mais denúncias de boca de urna e de possíveis fraudes. Teve até quem chegou para votar e já tinham votado por ele, segundo denúncias. O transporte também deixou a desejar. Alguns cidadãos esperaram por cinquenta minutos pelo transporte, outros desistiram de esperar acabaram não votando, ainda assim, conseguimos milhares de votos apurados. Se muita gente desistiu, imagine quantos eleitores não teríamos se tudo tivesse ocorrido dentro da normalidade.

Apesar dos pesares, não venho escrever esse artigo para dizer que a turma que organizou é incompetente, despreparada e irresponsável. Isso todo mundo sabe. Escrevo esse texto porque alguns já buscaram um culpado, porque colar a culpa em outra pessoa que não é a culpada virou moda no município. Então, já que culpam principalmente o fato de termos somente duas urnas, vou ensinar aqui como organizar uma eleição para o conselho com apenas duas urnas.

A primeira coisa a ser feita é escolher uma comissão competente. Não adianta botar um monte de gente da prefeitura, especialmente os que não sabem organizar nem a si próprio.

Segunda coisa, é preciso deixar uma ambulância ou unidade de emergência em cada escola que houver votação. Ainda que não haja tumulto, ninguém nunca sabe quando alguém vai precisar de atendimento.

Terceira coisa a ser feita, deixar bebedouros, filtros para as pessoas se servirem de água. Nos vídeos é possível ver várias pessoas com garrafinhas de água.
Quarta coisa a ser feita, cadeiras para as pessoas idosas sentarem, de preferência com duas salas reservadas para aguardarem sentadas, fichas preferenciais que seriam chamadas a cada 3 minutos para passar na frente (preferencial) e efetuar a votação. É basicamente isso que bancos fazem.

Quinta coisa a se fazer é deixar as duas urnas em lugares diferentes da escola de preferência em polos opostos para dividir a multidão em dois grupos.

Sexta coisa a ser feita é abrir mais duas salas, ao lado de cada sala de votação, nessa segunda sala é onde se faria um tipo de triagem, avaliação de documentos onde outro grupo ficaria esperando para ser chamado para exercer o sufrágio. Observe que até aí, já dividiríamos a multidão em quatro grupos e a maioria estaria acomodada, servida de cadeiras, água.

Sétima coisa a ser feita seria usar cordões, similares aqueles que existem em grandes bancos, cinemas, lanchonetes que dão voltas e isolam pessoas (evitando os malandrinhos que furam filas).

Basicamente com esses sete pontos teríamos uma eleição menos caótica. Pensei nesses sete pontos hoje de tarde enquanto ouvia o grupo da prefeitura colocar a culpa no MP, cartório eleitoral, Deus e o mundo. Recentemente tivemos prova de que a atual administração não se preocupa com os cidadãos e tratam as pessoas do município como animais. Seja fazendo comícios em pleno horário de serviço, comemorando aniversário de ex-prefeito em pleno horário de serviço, fazendo tudo isso enquanto vários cidadãos aguardavam em filas esperando atendimento de funcionários que foram convocados e praticamente obrigados a participarem. Lamentavelmente o fator humano é desumanizado, o mal foi banalizado e o absurdo se tornou algo natural.

É assustador o que foi feito com a cabeça do panelense, sobretudo os que precisam se submeter a tudo para não perder o contrato. É por isso que a prefeitura tem medo de concurso público. A atual administração sempre coloca as mesmas pessoas em comissões, sempre recontrata os mesmos incompetentes e sempre arrumam alguém para levar a culpa. Foram somente duas urnas, mas muitos incompetentes desorganizando tudo.




Coluna Política // Por Pierre Logan
Advogado, Bacharel em Direito pelas Faculdades Metropolitanas Unidas. Formado em Filosofia, é licenciado pela Universidade Cruzeiro do Sul, Pós-graduando em Direito Processual Civil pela Escola Paulista de Direito. Filósofo. Membro do Seminário de Filosofia de Olavo de Carvalho, da comissão de prerrogativas da Ordem dos Advogados do Brasil e  Jovem Advocacia de São Paulo. 



Contato: 
movimentoculturaloficial@gmail.com
pierreloganoficial@gmail.com

Mais publicações sugeridas para você

Política 1042580944531905040

BIOMETRIA ELEITORAL SITUAÇÃO EM PANELAS (PE)

Em revisão: 21.516 eleitores
70,71% com biometria: 15.256 eleitores

No facebook

PUBLICAÇÃO SUGERIDA

Programação completa da Maratona de Cruzes 2019

Prefeitura divulgou a programação completa da Maratona de Cruzes 2019. Confira a seguir as atrações da 36ª MARATONA DA VILA DE CRUZES, ...
continuar

RECEBA ATUALIZAÇÕES