Situação do Programa Mais Médicos em Panelas-PE

Mais de 5 anos do Programa Mais Médicos no Brasil. Como está a situação de Panelas em meio a transição política e disponibilização desses profissionais para o atendimento da população municipal.

MAIS MÉDICOS - MAPA BRASIL - EM PANELAS

Criado em 2013, o Programa Mais Médicos constitui-se em política pública do governo brasileiro, veio para enfrentar o problema histórico da falta de médicos e para aprimorar a Atenção Básica no Brasil, principalmente nas regiões mais carentes.

Médicos cubanos começaram a chegar em Panelas no ano de 2013Em Panelas-PE, os profissionais enviados pelo Programa Mais Médicos começaram a chegar no município no mesmo ano da criação do programa (2013). A princípio foram dois médicos enviados, os cubanos Richard Walberto Leyva Guerra e Yanet Ofelia Font Diaz. Um mês depois o município voltou a ser contemplado com mais dois médicos cubanos, Leidys Yolanda Ramirez Esparraguera e Leila Clavijo Guibert.


Com o objetivo de atender regiões mais vulneráveis do país, Panelas está classificada no Programa Federal Mais Médicos como uma área de extrema pobreza. Sendo assim, há a necessidade desses profissionais no município.

Atualmente existem três médicos intercambistas ativos no município pelo programa federal, são eles: José Manuel Perez Agramonte, Leidys Yolanda Ramirez Esparraguera e Milandys Albear Maceo.

A atuação de médicos cubanos no Brasil gera polêmica desde a criação do Mais Médicos. O presidente eleito, Jair Bolsonaro, declarou em certo momento de campanha que "expulsaria" os médicos cubanos do Brasil. O Governo de Cuba, após proposta e afirmações de Bolsonaro, não aceitou e decidiu tirar seus médicos do país.

O programa Mais Médicos contrata profissionais de várias nacionalidades, e não apenas cubanos. São médicos intercambistas, profissionais formados em instituição de educação superior estrangeira com habilitação para exercício da Medicina no exterior (acesso por chamada pública de adesão).

Foi publicado no Diário Oficial da União da terça-feira (20/11) um novo edital do Programa Mais Médicos. São ofertadas 8.517 vagas para atuação em 2.824 municípios, que antes eram ocupadas por médicos da cooperação com Cuba.

No edital, estão sendo ofertadas quatro (4) vagas para Panelas-PE. Ao todo o Município tem autorização para seis (6) médicos pelo Programa Mais Médicos. Isso significa que ao menos um médico dos três ativos no momento, deverá deixar Panelas em breve.

As inscrições para a seleção do Mais Médicos começam a partir das 8h desta quarta-feira (21/11) e seguem até o dia 25 deste mês para os médicos brasileiros com CRM Brasil ou com diploma revalidado no país. Os profissionais podem se inscrever por meio do site maismedicos.gov.br. O início das atividades está previsto para 3 de dezembro.

Os profissionais do Mais Médicos recebem bolsa-formação (atualmente no valor de R$ 11,8 mil) e uma ajuda de custo inicial entre R$ 10 e R$ 30 mil para deslocamento para o município de atuação. Além disso, todos têm a moradia e a alimentação custeadas pelas prefeituras.

Mapa consulta situação do Mais Médicos em Panelas-PE
Fonte da pesquisa e informações: site - maismedicos.gov.br

Mais publicações sugeridas para você

Saúde 5589320339147281471

No facebook

PUBLICAÇÃO SUGERIDA

Atendimento: Justiça Eleitoral disponibiliza aplicativo para eleitor fazer Agendamento

Aplicativo do TRE-PE permite aos eleitores solicitar, alterar, cancelar ou acompanhar um agendamento de atendimento junto à Justiça Eleito...
continuar

RECEBA ATUALIZAÇÕES