A Guarda Municipal de Panelas-PE

A Guarda Municipal de Panelas-PE foi criada pela Lei 987, de 16 abril de 2015, e alterada pela PL 10/2015.

Guarda Municipal de Panelas

A lei que instituiu a Guarda Municipal foi assinada pelo então prefeito Sérgio Barreto de Miranda. A votação do Poder Legislativo Municipal ocorreu em 25 de setembro de 2015, a aprovação foi por unanimidade pela Câmara de Vereadores.

Com a aprovação, no dia 29 de setembro de 2015, foi realizada a solenidade de implantação da Guarda Municipal. Os guardas passaram a atuar na região do município de Panelas. Composta pelo sargentos Paulo Amaro e Alexandre Moreira, cerca de duas dezenas de homens, entre eles alguns policiais aposentos, 4 carros para auxiliar no combate a violência na zona rural, povoados, distritos e na cidade. Criticada pelo comportamento e a forma como atua, alguns defendem que o funcionamento da Guarda Municipal de Panelas é ilegal, pois não obedeceria às normas e regras descritas na Lei Nº 13.022, de 8 de agosto de 2014.

A atuação da Guarda Municipal de Panelas-PE teve como principal objetivo, a diminuição da criminalidade na região. Durante os anos de existência, os crimes de roubo diminuíram e dezenas de prisões foram efetivadas, entretanto, ainda foram registrados algumas dezenas de crimes de mortes, seguindo as estatísticas do estado com relação ao aumento da violência.

Veja também:

BIOMETRIA ELEITORAL SITUAÇÃO EM PANELAS (PE)

Revisado:
17.108 eleitores

No facebook

PUBLICAÇÃO SUGERIDA

Barragem cheia, por que não chega água nas casas das pessoas?

O município de Panelas tem um problema crônico com a falta de abastecimento d’água. A cidade de Panelas fica localizada no agreste de...
continuar

RECEBA ATUALIZAÇÕES