Bandeira vermelha, sua conta de energia mais cara

O ano começou com contas de energia elétrica mais cara. Em 2015 a ANEEL (Agência Nacional de Energia Elétrica) implementou o Sistema de Bandeiras Tarifárias, e os meses de Janeiro e Fevereiro receberam bandeira vermelha.
Os meses de janeiro e fevereiro receberam a bandeira vermelha para todas as regiões do Brasil

A partir de 2015, as contas de energia terão uma novidade: o Sistema de Bandeiras Tarifárias. As bandeiras verde, amarela e vermelha indicarão se a energia custará mais ou menos, em função das condições de geração de eletricidade.

O sistema possui três bandeiras, verde, amarela e vermelha. Veja o que indica cada uma delas:

  • Bandeira verde: condições favoráveis de geração de energia. A tarifa não sofre nenhum acréscimo;
  • Bandeira amarela: condições de geração menos favoráveis. A tarifa sofre acréscimo de R$ 1,50 para cada 100 quilowatt-hora (kWh) consumidos;
  • Bandeira vermelha: condições mais custosas de geração. A tarifa sobre acréscimo de R$ 3,00 para cada 100 kWh consumidos.



Em caráter educativo, a ANEEL divulga mês a mês as bandeiras que estão em funcionamento, podem ser conferido pelo site da agência (www.aneel.gov.br). Os meses de janeiro e fevereiro receberam a bandeira vermelha para todas as regiões, ou seja, os custos para geração de energia elétrica pelos subsistemas nesses meses foram maiores em todos as regiões do Brasil.

O estado de Pernambuco é atendido pelo Subsistema Nordeste (NE), a empresa fornecedora de energia é a Celpe (Companhia Energética de Pernambuco). Nas faturas fornecidas pela Celpe, as informações sobre as tarifas e valores acrescentados na sua conta, como o Sistema de Bandeiras Tarifárias, a contribuição de Iluminação Pública e multas por atrasos no pagamento anterior estão na "Descrição da Nota Fiscal".

BIOMETRIA ELEITORAL SITUAÇÃO EM PANELAS (PE)

Em revisão: 21.516 eleitores
73,23% com biometria: 15.794 eleitores

No facebook

PUBLICAÇÃO SUGERIDA

A história do site Panelaspernambuco.com

O Panelaspernambuco.com, publicado na Internet no dia 12 de dezembro de 2009 por Guilherme Amarino, é um blog de conteúdo que desde o início...
continuar

RECEBA ATUALIZAÇÕES