Dia mundial de combate ao trabalho infantil é marcado com ações no interior de Pernambuco

Para marcar o dia mundial de combate ao trabalho infantil, 12 de junho, o Ministério Público do Trabalho (MPT) em Pernambuco realiza ativ...

- Publicado em 10/06/2012 - Por Guilherme Amarino (Editor)
A+ A-
Para marcar o dia mundial de combate ao trabalho infantil, 12 de junho, o Ministério Público do Trabalho (MPT) em Pernambuco realiza atividades em Araripina, Ouricuri e Passira. Nas três cidades, localidades no interior do estado, haverá audiência pública para que o tema seja abordado. Todos os eventos são abertos ao público.

A programação começa no próprio dia 12, às 13h, em Araripina. Lá, os trabalhos serão coordenados pela procuradora do Trabalho Carolina Mesquita. Além de palestras e debates sobre trabalho infantil, será disponibilizado gratuitamente à comunidade, graças à parceria com o Serviço Social da Indústria (Sesi) e com o Serviços Social do Comércio (Sesc), diversos serviços, como aferição de pressão, atendimento de higiene bucal, bem como atividades lúdicas para crianças, como cinema, pintura e leitura. Tudo acontece na sede do Centro Tecnológico do Araripe.

No dia seguinte (13), às 8h, é a vez de Passira parar para discutir as formas de enfrentamento do trabalho infantil na cidade. Quem coordena a atividade é a procuradora do Trabalho Jailda Pinto. O evento será na Câmara de Vereadores. Na mesma data, sendo às 18h, será realizada a audiência pública em Ouricuri, no auditório da 9ª Gerência Regional de Saúde, sob os cuidados do procurador do Trabalho Ulisses Dias de Carvalho.

Fechando o ciclo de eventos, ocorre audiência em Caruaru, no dia 19, às 8h, no auditório da justiça Estadual.

12 de junho - É o Dia Internacional contra o Trabalho Infantil. A data, instituída pela Organização Internacional do Trabalho (OIT) em 2002, marca a luta e a mobilização mundial para o combate do trabalho infantil. Normalmente, em todo o mundo, são feitas campanhas, para que se somem esforços públicos, privados e da sociedade, no desejo de se construir outro caminho para o futuro das nossas crianças e adolescentes.

Números - Dados da PNAD (Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios), divulgada em 2010 pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), apontavam 1.068.568 crianças de 5 a 13 anos “empregadas” no país. Delas, 396.338 estão no Nordeste. Em Pernambuco, das 835.520 crianças, 56.878 encontram-se em situação vulnerável, o que em termos percentuais equivale a 6,81% do total.

Legislação - Até os 13 anos de idade, segundo a Constituição Federal, a Consolidação das Leis do Trabalho (CLT) e o Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA), o trabalho é totalmente proibido no País. Já entre 14 e 15 anos, é permitido apenas na condição de aprendiz. Dos 16 aos 17 anos, é permitido, desde que não seja em atividade insalubre, perigosa, penosa ou em horário noturno (a partir das 22h).

Fonte: Mariana Banja | Taciana Guedes - Colaboração via e-mail.
Fones - (81) 9199.8707 | (810 2101.3238

@mpt_pernambuco
www.prt6.mpt.gov.br

TRANSMISSÃO FESTIVAL SOLIDÁRIO TV PANELAS - MOVIMENTO CULTURAL

PUBLICAÇÃO SUGERIDA

Inscrição para participação no 47º Festival Nacional de Jericos (Online)

Abertas as inscrições para participação de cantores, interpretes, jóqueis de jericos, bem como no Concurso de Jericos Fantasiados. O Movimen... continuar

RECEBA ATUALIZAÇÕES