QUEM MAIS FEZ PELO SERTÃO, HOJE MORRE NAS ESTRADAS


HOMENAGEM AO NOSSO IRMÃO


O Padre Antônio Vieira
Há três décadas escreveu
Um livro que comoveu
Toda a nação brasileira
Mostrando a rotina inteira
Do jegue em várias jornadas
Disse em letras destacadas
“O Jumento, Nosso Irmão.”
Quem mais fez pelo sertão
Hoje morre nas estradas.


Companheiro de labuta
Desta gente sertaneja
Foi parceiro na peleja
Da população matuta
Batalhou como um recruta
Sem ter soldos nem espadas
Suas costas calejadas
Também serviram à Nação.
Quem mais fez pelo sertão
Hoje morre nas estradas.

Façamos um movimento
Para que todo setor
Revitalize o valor
Do nosso bravo jumento
Mas não basta um monumento
Nas grandes encruzilhadas
Queremos ações montadas
No respeito e proteção.
Quem mais fez pelo sertão
Hoje morre nas estradas.



Mote: Wélio César (Rabicó)
Glosas: Wellington Vicente
Porto Velho, 11/11/2009.





Postar um comentário

Os comentários ou recados neste site refletem tão somente a opinião do autor do mesmo. Seja ético, tenha bom senso, não publique spam.

emo-but-icon