Justiça Eleitoral sofre cortes no orçamento para as eleições municipais

O Congresso Nacional executou cortes nos orçamentos de 2016 dos Poderes da União, fazendo a Justiça Eleitoral rever todas as despesas planejadas para o presente exercício.

cortes nos orçamentos de 2016 faz a Justiça Eleitoral rever todas as despesas

Em comunicado, o Tribunal Regional Eleitoral de Pernambuco informou aos servidores que o orçamento inicial para os Pleitos Eleitorais, será diminuído em 31,6%, assim como as despesas com Diárias, Passagens e Locação de Veículos, Material de Consumo, Locação de Mão-de-obra, Serviços de Pessoa Jurídica, treinamento de mesários, treinamentos em geral, dentre outros.

Além disso, o Orçamento Ordinário foi reduzido 13,53%. O comunicado informa ainda que, os cortes realizados pelo Poder Legislativo não afastam a eventualidade de novos contingenciamentos no orçamento ordinário, oriundos do Poder Executivo, o que representará ainda maiores dificuldades para a administração da Justiça Eleitoral.

A justificativa para os cortes nos orçamentos de 2016 são devidos a situação do país, que encontra-se em meio a uma grave crise econômica, levando as administrações dos órgãos públicos a ajustar seus orçamentos, adaptando-os a essa realidade pela qual passa o Brasil.

Fonte: TRE-PE

Veja mais publicações sugeridas para você

Política 3034562382471328478

Postar um comentário

Os comentários ou recados neste site refletem tão somente a opinião do autor do mesmo. Seja ético e não publique spam.

emo-but-icon

SEJA INTELIGENTE!

SEJA INTELIGENTE!
"A leitura é para a mente o que o exercício é para o corpo" (Joseph Addison)

PUBLICAÇÃO SUGERIDA

AS DÍVIDAS DE SÉRGIO MIRANDA

Antes que algum fanático desinformado apareça dizendo que estou mentindo, segue os links do site oficial do Tribunal de contas do Estad...
continuar

Associado


RECEBA ATUALIZAÇÕES

Panelas Pernambuco Podcast

No facebook

Online agora