Eleições 2014: A consciência Política em Panelas e o Legislativo

Período eleitoral e o assunto mais falado é Política. Em Panelas não é diferente, o município não tem grande expressão para definir o resultado de uma eleição presidencial, mas do legislativo estadual tem, e visando isso, candidatos ao cargo de deputados estaduais e federais sempre aparecem por aqui em busca de votos (questão bem abordada no artigo de Pierre Logan: "A volta dos deputados").

De repente um candidato desconhecido se torna conhecido porque um político do município o apoia e o coloca para a sociedade como o salvador da cidade, aquele que trará o tão esperado desenvolvimento e consegue das urnas panelenses seus 4, 5, 6 mil votos. Mas e a cidade? O município o que consegue? A cidade é uma espécie de associação, a união de pessoas forma uma comunidade, a associação de comunidades forma uma cidade e, consequentemente, as cidades o Estado. Eis a importância de refletir e analisar o voto para um candidato do poder legislativo. Os eleitos serão os representantes das cidades.

Panelas tem cerca de 20 mil eleitores, a cidade contribuirá para eleger três deputados estaduais e três federais, já que o município hoje se encontra dividido em três principais grupos políticos e cada grupo apoia candidatos diferentes:

Deputados Estaduais com apoios de grupos políticos em Panelas-PE
Candidatos a Deputado Estadual com apoios de grupos políticos em Panelas-PE. 

Deputados Federais com apoios de grupos políticos em Panelas-PE
Deputados Federais com apoios de grupos políticos em Panelas-PE.

  • Grupo de Fred Moreira Lima (ex-prefeito de Panelas) apoia Clodoaldo Magalhães para deputado estadual e Wolney Quiroz para federal;
  • Grupo de Lourinho (líder da oposição, uma espécie de esquerda) apoia Vavá Rufino para estadual e Mozart Sales para federal;
  • Grupo de Sérgio Miranda (atual prefeito de Panelas) apoia Guilherme Uchoa para estadual e Fernando Monteiro para federal.

Imagine se todos esses candidatos conseguissem se eleger, o quanto de representatividade Panelas teria no parlamento estadual. O quanto de projetos e desenvolvimento poderia vir para o município. O que falta? Politização da população, consciência política para exigir daqueles que os representam. Interesse individual não constitui um bem para a cidade.

Cada cidade é uma comunidade política estabelecida em ordem a um bem”, assim é a consideração sobre a natureza da cidade na obra Política de Aristóteles. Isso nos leva a abordar o assunto política de maneira imparcial nesse blog, pois como qualquer cidadão de bem, procuramos o bem para nossa cidade (nosso município). Os eleitos se tornaram representantes do Estado, e já que “a cidade é a forma mais elevada de comunidade e tem como objetivo o bem mais elevado”, ainda segundo Aristóteles, devemos então ter uma consciência coletiva para alcançar um bem maior e coletivo.

Veja mais publicações sugeridas para você

Política 5012900573213094462

Postar um comentário

Os comentários ou recados neste site refletem tão somente a opinião do autor do mesmo. Seja ético e não publique spam.

emo-but-icon

Ótimas ofertas

Ótimas ofertas
Artigos esportivos e mais

PUBLICAÇÃO SUGERIDA

Programação da Maratona de Cruzes 2017

Divulgada a programação oficial da 34ª Maratona de Cruzes. A festa será realizada nos dias 24, 25 e 26 de Novembro. Programação da 34ª Mar...
continuar

Associado


No facebook

RECEBA ATUALIZAÇÕES

Online agora