Biografia de Demóstenes de Barros Miranda

Demóstenes de Barros Miranda , conhecido por Deda , nasceu em Panelas aos dezessete (17) dias do mês de julho de mil novecentos e trinta ...

Publicado em 01/04/2012 | Da Redação do Panelaspernambuco.com
A+ A-
Demóstenes de Barros Miranda, conhecido por Deda, nasceu em Panelas aos dezessete (17) dias do mês de julho de mil novecentos e trinta e quatro (1934) e, faleceu em oito (08) de outubro de dois mil e onze (2011). Filho de Manoel Guilhermino de Miranda e Jandira de Barros Miranda, sendo o primeiro filho dos nove que o casal teve, tendo ainda mais quatro irmãos, filhos do primeiro casamento de seu pai. Teve seis filhos, dos quais dois é fruto de seu enlace matrimonial com Cleonice Nogueira de Miranda.

Descendente do fundador desta cidade e membro da destacada família Miranda, sempre esteve junto aos seus, no que diz respeito a questões políticas objetivando o desenvolvimento de sua cidade natal e de seus concidadãos.

Em sua vida profissional desempenhou diversas funções, dentre elas: Coordenador do IBGE, cargos públicos municipais (diretor de finanças, diretor da garagem dentre outros), titular do Cartório do 2º Distrito da Vila de Cruzes.

Nos momentos de lazer gostava de pescar, caçar, e bebericar com os amigos. Desfrutava de sua companhia e amizade pessoas de faixa etária variada. Homem fino no trato com as pessoas gozava do respeito de todos que o conhecia. Era exímio dançarino, conhecido como pé de valsa. Dono de uma memória invejável, inteligência e sabedoria. Sabia apreciar a beleza da criação, vendo Deus em toda ela. Escrevia em forma de poesia seu conceito sobre a natureza, a vida e o que de real valor tem nela. Sabia respeitar as pessoas em suas diversidades e particularidades, tinha a humildade de reconhecer que tudo é dádiva divina, assim dizia ele quando lhe perguntavam sobre sua vida: “estou melhor do que mereço”. 

Em seus últimos dias aqui conosco mostrou-se grato a Deus por tudo que tinha, por sua família e amigos, deixou àqueles que estiveram ao seu lado em seus últimos dias uma valiosa lição de gratidão, resignação e fé.


"Poder e mando, tudo isso é nada
Tristeza e dor, nada disso é tudo,
Muita gente sem ser nada quer ser tudo,
Quando tudo neste mundo veio do nada."
(Do livro: Tudo e Nada, autor Demóstenes Miranda.) 
 

Veja mais publicações sugeridas para você

Personalidades 678062212126598236

Ótimas ofertas

Ótimas ofertas
Artigos esportivos e mais

PUBLICAÇÃO SUGERIDA

Programação da Maratona de Cruzes 2017

Divulgada a programação oficial da 34ª Maratona de Cruzes. A festa será realizada nos dias 24, 25 e 26 de Novembro. Programação da 34ª Mar...
continuar

Associado


No facebook

RECEBA ATUALIZAÇÕES

Online agora