SÃO PAULO DANÇA O FREVO E PERDE PARA O SANTA CRUZ NO ARRUDA

A semana do São Paulo era irretocável, mas depois da vitória no clássico contra o arquirrival Corinthians, o gol 100 de Rogério Ceni e a a...

Publicado em 31/03/2011
A+ A-

A semana do São Paulo era irretocável, mas depois da vitória no clássico contra o arquirrival Corinthians, o gol 100 de Rogério Ceni e a apresentação de Luís Fabiano no Morumbi, o Tricolor paulista conheceu um revés e perdeu para o Santa Cruz por 1 a 0, no estádio do Arruda, no Recife, em partida válida pela segunda fase da Copa do Brasil.

O gol de Rodrigo Souto, contra, obriga o São Paulo a decidir a vaga às oitavas de final da competição na próxima quarta-feira, quando recebe o mesmo Santa Cruz no estádio da Arena Barueri.
O vencedor do confronto entre os dois Tricolores encara o ganhador de Goiás e Ponte Preta. A primeira partida entre estas duas equipes ainda acontece nesta quinta-feira, no Moisés Lucarelli, em Campinas.
Foi apenas a segunda vitória do Santa Cruz zobre o rival paulista em 17 jogos. O único êxito da Cobra Coral até então havia sido no ano de 1988.
DUELO QUENTE
O duelo entre Santa Cruz e São Paulo, que não acontecia desde 2006, começou a mil por hora. Com Rivaldo na equipe titular - o meia é pernambucano e atuou pelo Santa Cruz no começo da carrreira -, o Tricolor paulista tentava dominar as ações no meio-campo.
Primeiro, o próprio Rivaldo deu as boas vindas para a torcida do Santa, aproveitando chute de fora da área e exigindo defesa de Tiago Cardoso aos 5 minutos.
Depois, o Tricolor pernambucano apostou em uma jogada característica para tentar assustar os visitantes. O camisa 8, Weslley, era o responsável pelas bolas paradas. Dos pés dele, a Cobra Coral incomodava a defesa são-paulina pelo alto. Exemplo da ofensiva pernambucana foi aos 12 minutos, quando Weslley cobrou falta fechada e Rogério dividiu por cima. O camisa 1 são-paulino levou a pior.
Já em boas condições de jogo, o goleiro-artilheiro ainda viu Landu cruzar para Gilberto cabecear, aos 25. O camisa 9 da Cobra Coral, aliás, pode ser o próximo reforço do Corinthians, conforme apurou o LANCENET!.
E era pelos flancos que o Santa conseguia se impor no estádio do Arruda. Assim, aconteceu o primeiro gol do jogo, quase 'sem querer': aos 34 minutos, Gilberto recebeu na esquerda e cruzou por baixo. A bola passou pela defesa são-paulina e Rodrigo Souto, livre, tentou tirar a bola em linha de fundo, mas errou nos cálculos e, 'consciente', marcou o gol contra.
Atordoado, o Tricolor paulista rapidamente tentou empatar a fim de salvar a semana irretocável dos são-paulinos. O Tri-Mundial bem que estufou as redes, mas o gol de Dagoberto foi anulado depois que o atacante concluiu de cabeça em posição irregular, aos 42 minutos da primeira etapa.
Decidido a espantar a má atuação, Dagoberto, aos 5 minutos, cortou dentro da área e chutou para defesa de Tiago Cardoso. Três minutos mais tarde, Dagol não alcançou cruzamento de Lucas e viu Fernandinho isolar dentro da área.
A pressão do Tricolor paulista se fazia sentir de tal forma que foi inevitável o gol de empate, especialmente depois que Leandro Souza foi expulso aos 25 minutos.
Com um jogador a mais, o São Paulo abriu mão da defesa e lançou seus dez homens de linha ao campo de ataque. Porém, faltava ousadia na equipe de Carpegiani. Lucas, marcado de perto por Everton Sena, não conseguiu repetir as boas atuações.
Se por baixo, o Tri-Mundial não mostrava inspiração, a equipe repetiu a estratégia pernambucana na primeira etapa e apostou nas bolas paradas. Em uma delas, aos 39, Miranda cabeceou com perigo para fora.
Mas o Santa era incansável, e manteve o resultado positivo. Aos gritos de 'Guereiro, time de guerreiro', entoados pela fanática torcida da Cobra Coral, o time da casa se esforçou até o fim e levou a melhor. Sobrou até para Ceni cobrar falta longa na área, que a defesa pernambucana afastou, para delírio da torcida coral.
Na próxima quarta-feira, os dois times decidem a vaga nas oitavas de final na Arena Barueri, em São Paulo. O Santa Cruz pode empatar que leva a vaga.
Antes, o Tricolor volta a campo no próximo domingo, quando encara o Mirassol na Arena Barueri, pelo Campeonato Paulista. No mesmo dia, o Santa tem clássico local contra o Sport, em partida válida pelo Campeonato Pernambucano.


Fonte: www.yahoo.com.br

Veja mais publicações sugeridas para você

Notícia 7746845905014321524

Ótimas ofertas

Ótimas ofertas
Artigos esportivos e mais

PUBLICAÇÃO SUGERIDA

Programação da Maratona de Cruzes 2017

Divulgada a programação oficial da 34ª Maratona de Cruzes. A festa será realizada nos dias 24, 25 e 26 de Novembro. Programação da 34ª Mar...
continuar

Associado


No facebook

RECEBA ATUALIZAÇÕES

Online agora